30 anos que valeram a pena!

30 anos que valeram a pena!

30 anos que valeram a pena!

t

30 anos que valeram a pena!

Segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

 

Ontem a Jervis Pereira fez 30 anos!

Foi um domingo normal, sem festejos nem celebrações, porque o panorama internacional é de contenção e não convida a euforias.

Ao refletir sobre a nossa história, identifico três grandes momentos:

  • O período de 1989 a 1999, em que trabalhámos essencialmente como consultores de gestão e economia, com um foco muito particular no setor da agroindustria e do turismo;
  • O período  de 2000 a 2004, em que funcionámos como holding de um grupo de empresas de perfil familiar, mantendo-nos, contudo, como consultores de economia e gestão, mas já com um pé na comunicação;
  • O período pós 2004 em que fizemos um turnaround e passámos a dedicar-nos exclusivamente à consultoria em marketing e comunicação, que era o core business de uma das empresas que absorvemos.

A era da comunicação foi aquela em que me senti mais confortável e realizada profissionalmente. A experiência que trazíamos enquanto consultores de gestão, diferenciou-nos da nossa concorrência desde o primeiro dia.  Sempre olhámos para a comunicação numa perspetiva integrada, contrariando a prática corrente das empresas do setor que faziam gala em manter uma distância grande com aqueles a quem chamavam marketteers . A ideia de que comunicar é fazer press releases e organizar almoços e entrevistas com jornalistas, nunca fez parte do nosso ADN. Sempre procurámos conhecer os  clientes antes de os começarmos a trabalhar e, por isso, fazemos diagnósticos, definimos objetivos e planificamos estratégias de comunicação, evitando ações avulso que esvaziam a comunicação a longo prazo. Quando entrámos na era da comunicação digital e das redes sociais, integrámos esses serviços na nossa empresa desde a primeira hora porque sabíamos que o futuro ia ser por aí.

Este posicionamento valeu-nos a confiança de clientes que perceberam a utilidade da nossa visão 360º. Foi o caso do Turismo da Tailândia, com quem trabalhamos há quase 20 anos e que nos recomendou, posteriormente, a várias delegações de turismo internacional; da AEP com quem desenvolvemos diferentes projetos numa lógica mais institucional, mas ainda assim ligada à comunicação integrada; e também de projetos nossos, como a Feira das Viagens que se tornou um caso de sucesso com forte impacto no turismo nacional.

Como todas as empresas tivemos altos e baixos, alegrias e tristezas, momentos em que pensámos em desistir e outros em que acreditámos que podíamos ir mais longe. Tudo valeu a pena porque a experiência humana que resultou da nossa história enriqueceu-nos e tornou-nos mais fortes. E no final é isso que conta. O que fica são as relações que construímos e os projetos que ajudamos a concretizar.

Gostaria de partilhar este aniversário com os cerca de 200 clientes que passaram por nós ao longo destas três décadas e que, no fundo, foram e são a razão da nossa existência. A todos muito obrigada!

 

181121-Logo-Jervis-30anos

 

Rosário Louro